domingo, 20 de maio de 2012

Neoplasticismo (De Stijil) para pintar

Piet Mondrian e Theo van Doesburg foram artistas muito à frente de seu tempo, os caras eram estudiosos das artes, foram influenciados pela fragmentação do cubismo e participaram do corpo da Bauhaus, primeira escola de design do mundo. Eles criaram um movimento que abolia a figuração, ou a representação da (aparente para eles) realidade em favor da pintura, da cor, da essência artística.




Muitos historiadores acreditam que o Neoplasticismo foi um movimento de revolta moral a violência irracional que assolara a Europa no início do século XX, como a 1ª Guerra Mundial, mas não podemos esquecer de outros fatores que influenciaram o movimento:

  • O cubismo;
  • O  idealismo e a austeridade do protestantismo holandês;
  • O viés místico da Teosofia a qual Piet era membro integrante.

A fórmula para o Neoplasticismo era clara, nada de imagens, a composição só poderia ter linhas horizontais e verticais, já que as diagonais poderiam indicar movimento não desejado e profundidade, o uso das três cores geratrizes ou primárias: vermelho, azul e amarelo, além do preto (que é a ausência da luz) e o branco que representaria a própria luz.

A galerinha da Escola Rogelma (7º ano) experimentou o Neoplasticismo, o resultado está nas imagens abaixo, dá só uma olhadinha:











Então, eles são ou não são feras? Eu acho que todos são talentosos, trabalham e quem trabalha colhe os frutos do seu esforço. Galera! Ei... psiu... vocês são 10!

---------------------------------------------------------------------------------

ATIVIDADES

Que tal imprimir e colorir as imagens abaixo?





Os originais estão aqui (logo abaixo do texto), mas eu acho que você deve tentar outras combinações em outros espaços em branco, que tal o desafio, vai encarar? Pinte e mande por e-mail para eddyeazevedo@hotmail.com que eu posto aqui. Até!



------------------------------------------------------------------------------------------

Dá só uma sacada no vídeo, muito bom

Nenhum comentário:

Postar um comentário