quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Do Romantismo à produção de texto autoral

Vocês sabem qual é o meu posicionamento diante da educação, interdisciplinaridade, e Português + Artes dá o maior samba. No 8º ano do CIEP 280 nos começamos esse bimestre com o Romantismo, movimento que teve sua maior expressão na literatura, e que posteriormente se desenvolveu nas Artes Visuais.
E o que é ser romântico? Qual a sua maior característica? Vou arriscar, eles adoram sonhar, pois a realidade aos seus olhos não é satisfatória. O Romantismo sofre a influência de duas grandes revoluções: A revolução industrial que teve início na Inglaterra e a Revolução Francesa que dentre outras coisas resulta na declaração dos Direitos Humanos.
Eu me considero um "cara" romântico, eu acredito que a bebida, como o cigarro, terá a sua propaganda proibida nos meios de comunicação. É um sonho, infelizmente ela é a grande patrocinadora da nossa copa do mundo, e haja moderação na hora de beber...

Como atividade eu sugeri que os alunos desenvolvessem um texto romântico, um texto que comunicasse ao mundo uma vontade de algo, que na ótica do autor (aluno), seria ou é impossível de acontecer,  "tipo" uma utopia. Selecionarei os melhores textos e colocarei aqui no blog para a nossa "degustação". Hoje começamos com a Daniela da Cruz Cabral, que dentre tantas qualidades, é uma super karateca:


"Queria melhorar o mundo, mas não vai acontecer, porque precisamos parar de poluir o ar com as usinas. O mundo esta sendo destruido pela poluição, ela esta acabando com a camada de ozónio, e   daqui alguns anos as pessoas do planeta vão morrer por causa da poluição gerada nas cidades, que hoje são resultado, principalmente, da queima de combustíveis fósses, com por exemplo, carvão mineral e derivados do petróleo.




A saúde do ser humano, por exemplo, é a mais afetada com a poluição, doenças respiratória como a bronquite prejudicam a sua saúde. O clima também é afetado pela poluição do ar. O fenômeno do efeito estufa está aumentando a temperatura em nosso planeta.

O ser humano terá que conviver com o ar poluído, atualmente, quase todas as grandes cidades do mundo sofrem com a poluição nos ares. Em dias secos e com poluição do ar alta, é recomendado beber mais água do que o normal, evitar atividades físicas ao ar livre.




Quase todas as grandes cidades mundiais sofrem com os efeitos da poluição do ar, por isso que eu queria que a poluição acabasse.

------------------------------------------------------------------------------------------------


Desenhando mais ideogramas

A nossa primeira atividade com a matéria - China, foi criar ideogramas, inventamos um monte e percebemos que os chineses levam muito a sério a questão da caligrafia, para eles essa é uma grande arte. Depois desenhamos as muralhas, e agora, depois de uma pesquisa, copiamos os ideogramas chineses em papel A4, essa atividade deu resultados excelentes e foi muito bacana. Eu tenho uma pena de nanquim que os alunos experimentaram, ela é toda trabalhada e muito bonita. Vou mostrar alguns trabalhos de cópia muito bons, dá só uma espiadinha:


Nosso ateliêr no CIEP 280, minha casa.



Nessa foto o aluno se utiliza de um stencil, invenção chinesa



Sempre há espaço e olhar para uma foto diferente, aqui somente as siluetas dos alunos da 603



Huguenin, um fera nas aulas de Arte, pena que se escondeu!



--------------------------------------------------------------------------------------
Próxima parada: Fazer os ideogramas em formato gigante e decorar o CIEP

Criando um molde a partir de um trabalho em argila.

Como vocês viram no post anterior, os alunos do 7º - CIEP 280 ano estão fazendo trabalhos usando um material muito comum aqui na região, a argila. Da modelagem em argila iremos fazer os moldes utilizando o gesso e sizal. Depois iremos enchê-los de concreto aqui no nosso ateliêr, ou de ferro, lá na fundição do Paulo Moura. As imagens abaixo são de um trabalho que fiz nas férias, "CRONOS", o molde já está pronto faltano apenas eu levar à fundição.







--------------------------------------------------------------------------------------------------
Quem quiser saber um pouco mais sobre moldes e formas é só seguir os link:

As máscaras Maias

Os maias combinaram originalidade criativa com o aperfeiçoamento dos estilos que desenvolviam os povos com os quais entravam em contato, fossem invasores ou vizinhos. O arco ou a abóbada falsa foi um elemento exclusivo de suas construções.
O jade era um material ritual e mágico mais valorizado do que o ouro. Era a jóia favorita. Os reis maias a utilizavam como dentes postiços. Uma vez enterrados, as máscaras fúnebres cobriam o seu rosto, e depositavam em sua boca contas de jade e milho para saciar a fome no País dos Mortos.




Nossos alunos do 7º ano (702 - CIEP 280) também estão criando as suas máscaras, e vou te falar uma "parada mermão", os caras são "sinistros", estão fazendo um trabalho sensacional. Ué, não acredita? Tá achando que eu tô de onda? Então veja a sequência de imagens dos trabalhos que estão em andamento:








Os trabalhos estão ficando muito bons, fizeram um estudo antes, como vocês podem ver nas imagens acima, e a partir desses esboços começaram a modelar as suas máscaras. Quem quiser se aprofundar no estudo dos Maias é só seguir o link:




A China e sua Grande Muralha

A Muralha da China é uma colossal obra arquitetônica, que inicialmente tinha a função de proteger a fronteira norte do país das invasões dos povos nômades, e que agora é um dos principais pontos turíscos da China. Ela não foi construída de uma só vez, na verdade são várias muralhas, uma imendada à outra, levando séculos para ficar pronta. Milhares de trabalhadores foram necessários para a sua execução e o resultado final você vê aqui.





Os nossos alunos do 6º ano (603 - CIEP 280) estão por dentro do assunto, eles estão ficando com os olhinhos puxados de tanto desenhar os ideogramas, por isso o TIED deu uma trégua e eles desenharam a muralha.









Daniel, um tremendo artista, com o seu magnífico trabalho. Esse cara é 10!!!
---------------------------------------------------------------------------------------------------
Quem quiser ficar mais informado no assunto é só seguir o link:


quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Mais Ideogramas - CIEP 280

As turmas da 6ª série são apaixonantes, eu preciso falar que amo vocês, estava com saudades dos pequenos gênios e gênias. Então... seguindo o post, tenho mais fotos da galera criando os seus ideogramas, que eram considerados verdadeiras obras de arte pelos povos orientais. Vou colocar uma imagem só de exemplo para vocês, pera ai...



Os ideogramas são verdadeiros desenhos, cada um deles tem o seu significado, e não pensem que é fácil fazê-los, tem que ter a arte e os materiais adequados para o trabalho. Os pincéis são de formato ogivais, para poderem reter tinta o suficiente e a ponta bem fina para fazer os detalhes. Agora que vocês entenderam um pouco mais sobre o assunto, eu vou postar mais imagens de hoje, segura peão!

Turma 603/CIEP 280







Turma 601/CIEP 280





---------------------------------------------------------------------------------------------------------

Quem quiser saber mais a respeito dos ideogramas é só seguir o link:


segunda-feira, 1 de agosto de 2011

De olho na CHINA

Começamos no 6º ano a falar na arte da China, é muito assunto, e por isso pedi que os alunos pesquisassem na internet. Vai render uma oficina de aquarela, com certeza, além de tantos outras atividades que faremos aproveitando sempre o tema - CHINA.

Vamos ver os ideogramas que os alunos do Varela inventaram? Com vocês os chineses do Carmo:







Então, sabe de alguma coisa sobre a CHINA? Hummmm... Muito bem gafanhoto, pesquise e descubra um pouco mais a respeito da segunda maior potência econômica do mundo. Você vai se surpreender com o que eles são capazes de fazer e inventar, até o próximo "post".
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
 Para saber mais é só navegar por esse link:

Voltando das férias - voltando para o presente!

É sempre difícil a retomada do ritmo na volta as aulas, mas é gostoso também rever os amigos e professores, bom é assim que eu penso... Começamos logo sem perder tempo, no 9º ano falamos um pouco do último assunto do bimestre passado, o Modernismo no Brasil - Semana de Arte moderna de 1922. Pensei em uma conexão com o presente e pedi que os alunos definissem um adolescente contemporâneo. Olha só o que saiu:


Ser um adolescente contemporâneo é viver no tempo dos "downloads", onde o computador virou a maior diversão, as garotas desistem de um romance quando se deparam com o primeiro sapo! E deixam de acreditar em contos de fadas... Começam a viver a realidade, um mundo onde vivemos da tecnologia, acabam-se amores por motivos pequenos, as redes sociais se expandem por todo o mundo, o que antes mandavam cartas, que demoravam semanas para chegar, agora em questão de segundos você se comunica com pessoas que moram do outro lado do mundo, com apenas um toque no celular ou uma mensagem pela internet. A música virou um vício, são tantos ritmos, tantos cantores, a diversidade se encaixa com o estilo de cada um. Antes os sonhos eram casar e ter filhos, hoje o sonho de qualquer adolescente é crescer na vida, conseguir um bom emprego e não depender de ninguém. A liberdade é pouco, o que queremos não tem definição!!!


O maravilhoso texto acima é de autoria da aluna Crislaine e Amanda Bassam, 902 - CIEP 280
E você? O que acha? Coloque o seu comentário, dê a sua opinião!